Os Incríveis Benefícios da Moringa Para Tratar Doenças na Pele!

Os Incríveis Benefícios da Moringa Para Tratar Doenças na Pele!

Revisado por

Nutrição e Educação Física pela UFT

Especialista do Moringa

Os Incríveis Benefícios da Moringa Para Tratar Doenças na Pele que você precisa conhecer. Além disso, a moringa é uma árvore de porte pequeno, nativo da Índia, Paquistão, Bangladesh e Afeganistão. Seu nome científico é moringa oleífera, mas talvez você a conheça por algum dos seus outros nomes comuns: acácia-branca, árvore-rabanete-de-cavalo, cedro ou quiabo-de-quina.

moringa para pele

Embora na Ásia sejam conhecidas as propriedades da planta há séculos, no ocidente há poucos anos se tornou popular seu consumo. É que nos últimos tempos se vieram realizando várias investigações científicas do uso da moringa como planta medicinal.

Nesses estudos foi possível comprovar que todas as partes da moringa são comestíveis e possuem componentes ativos que lhes permitam ser utilizadas medicinalmente.

A Moringa Possui um Rico Conteúdo de Nutrientes:

Proteínas, Vitamina A, Vitamina B6, Vitamina C e Riboflavina e minerais como Ferro, Potássio, Fósforo, Cálcio, Cromo, Cobre, Magnésio, Manganês, molibdênio, Selênio e Zinco. Compostos antioxidantes como quercetina e ácido clorogênico.
Aminoácidos: metionina, triptofano, arginina, penilalanina, histidina, isoleucina, leucina, lisina, cistina, treonina, prolina e tryrosina.

Sabia que este superalimento pode tratar doenças da pele e aliviar a inflamação, ao mesmo tempo que ajuda a resolver a fome no mundo?

Originária do sopé dos Himalaias, no noroeste da Índia, a árvore Moringa oleifera pode ser um novo superalimento para o Ocidente, mas na verdade é um remédio curativo milenar. De acordo com a antiga prática médica indiana do Ayurveda, as folhas podem prevenir 300 doenças! Cada folha da planta moringa tem:

Moringa era um popular agente protetor da pele usado na antiga Roma, Grécia e Egipto, onde foram encontrados vasos deste “óleo milagroso” enterrados nos túmulos reais. O óleo de moringa é proveniente das sementes da planta, que são compostas por 40% de “óleo ben”.

Este óleo hidratante amarelo pálido e inodoro é rico nos ácidos beénico, palmitoleico, oleico e linoleico, entre outros ácidos gordos hidratantes, e tem uma grande concentração de Vitamina A, Vitamina C, e Vitamina E. As vitaminas A e C ajudam a regenerar o colagênio na pele e reduzir as linhas finas e rugas. A Vitamina E confere um efeito anti-inflamatório, especialmente benéfico para problemas de pele, como Eczema e Psoríase.

Incríveis Benefícios da Moringa Para Tratar Doenças na Pele:

Quando aplicada topicamente, a moringa atua como um germicida, adstringente e anti-inflamatório. É elogiada pela sua capacidade de tratar:

O seu alto teor de Proteína ajuda a proteger as células da pele dos danos ambientais, como exposição a metais pesados, tipo mercúrio e cádmio.

As propriedades anti-inflamatórias da planta demonstraram uma influência benéfica tanto em processos inflamatórios agudos como crônicos, tais como Bronquite e Artrite reumatoide.

Investigadores franceses determinaram que o extracto de raiz de moringa exercia um efeito anti-inflamatório comparável ao do fármaco anti-inflamatório indometacina.

moringa para pele

As folhas, pó da folha, vagens, sementes, flores, raízes e até mesmo a casca da planta moringa são comestíveis. Além disso, a moringa é uma fonte completa de proteínas constituída por 18 aminoácidos. Juntamente com 46 antioxidantes, incluindo vitaminas e minerais essenciais. Não só a suplementação diária com a planta pode compensar quaisquer deficiências nutricionais das quais pode nem mesmo estar ciente. Mas também está a ajudar a remediar a subnutrição em todo o mundo.

Mais de 1200 milhões de pessoas sofrem de má nutrição. A moringa cresce em regiões subtropicais desnutridas, como África, Índia e Haiti, e está a ajudar a curar a fome no mundo. Não só ao fornecer sustento nutritivo, mas também através da criação de empregos e do cultivo de terrenos agrícolas que estavam inativos. As folhas podem ser utilizadas como fonte de alimento, o sumo como suplemento nutricional, as sementes como óleo vegetal, e o pó como neutralizador para a água potável.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Alan Costa

Sou nutricionista e Personal Trainer. Me formei pela Universidade Federal do Tocantins em 2002, com registro profissional no CRN-4 nº 1509723, tenho especialização em Nutrição Esportiva, Treinamento Físico e treinos Curto de alta intensidade.